domingo, 31 de outubro de 2010

Agora é uma Mulher

Para a alegria da maioria e tristeza de uma minoria, Dilma Vana Rousseff agora é a primeira mulher Presidente da República Federativa do Brasil.
Não adianta queixar e não adianta comemorar. Só poderemos criticar esse governo durante ele. A eleição foi feita, mas o governo ainda não assumiu.

Quem vence ou perde a eleição é o povo brasileiro. Não adianta sermos omissos. Não adianta falar política só em época de eleição, é necessário vigiarmos, mantermos informados durante toda a administração pública. Está sendo bom? Onde está falhando? O que está sendo feito? É esse o dever do cidadão. Não é nas urnas que elegemos o melhor ou o pior, é no dia-a-dia.
O Brasil já elegeu um Presidente que achava que seria bom e na verdade não foi. O povo foi lá: "Pede pra sair Collor." É essa a realidade. Temos que nos unir agora. Todos atentos nessa administração independente do seu voto.

Mas o que venho falar agora é outra coisa. Muito me admira uma mulher na Presidência da República. Chegamos lá. Como vai ser? Ninguém sabe, muita gente deduz, mas a realidade por enquanto é já temos um nome.


Foi em 24 de Fevereiro de 1932 que a mulher teve o direito a voto (com algumas restrições) pela primeira vez no Brasil. E tornou obrigatório em 1946.
E a primeira mulher eleita no Brasil para um cargo político foi a Alzira Soriano para prefeita de Lajes, em 1928. (Fonte: Folha Online).

78 anos depois do primeiro voto feminino, hoje o Brasil elege a primeira Presidente da República Federativa do Brasil. É aos 62 anos que Dilma Vana Rousseff, com pouco glamour, mas muita luta, sobe a famosa rampa do nosso País.

Recentemente lutou contra um câncer, lutou contra a oposição, e com certeza vai lutar por cima de todo o preconceito por ser mulher no cargo mais importante do país.
A verdade é essa, amigos, já temos uma nova Presidente, num mesmo Governo. E cabe a cada um de nós, como brasileiros, torcer para que seja feito sempre o melhor para cada um de nós. Que não seja favorecida somente uma classe social, mas que seja feito um tratamento justo para cada um.

Parabéns a Dilma! Agora é com você, Mulher!

Boa sorte a ela e a todos nós.

3 comentários:

Shirley disse...

Com certeza, parabéns pela vitória, afinal de contas viva a democracia, não votei nela, mas se foi escolhida pela maioria é porque tem que ser assim!
Só nos basta torcer, vamos pra frente Brasil!

Fernanda Marchioretto disse...

Acho que nesse aspecto sou pouco feminista. Penso que antes de ser mulher, tem que ser gente. Gente capaz, preparada e consciente da tamanha responsabilidade que implica um cargo desses.
Mas como disse a Shi, vence a maioria e agora nos resta torcer. E claro, fazer cada um a sua parte.
Bjux flor!

Chris Ribeiro disse...

Não sou contrário a Dilma porque ela é mulher, e sim porque não vejo nela qualidades pra administrar um país. O fato é que o brasileiro ainda não sabe votar.

O Lula ganhou esta eleição sozinho, e assinou um cheque em branco pra Dilma. Que a sociedade saiba cobrar dele caso não dê certo.

Bjim.

@ChrisRibeiro

Ads Inside Post